Festival Eurovisão da Canção 2017: ganha Portugal!

Contra tudo e contra todos (eu inclusive na crónica http://www.maisopiniao.com/festival-da-cancao-2017/ ), Portugal️ com os irmãos Sobral ganhou pontos de todos os júris (com Israel e Sérvia a falar português) e nunca saiu da liderança desde o inicio até ao fim da votação dos mesmos. Antes dos resultados do televoto, Portugal já tinha 104 votos de vantagem sobre a Bulgária, que ocupava o segundo posto. Durante 30 segundos, quando anunciaram os

Como a Comunicação Social influência a nossa opinião

Faltavam 2 minutos para as 20h, eu estava de saída para ir às compras e estava a começar o Telejornal na RTP1. José Rodrigues dos Santos diz algo do género “a Protecção Civil, pela primeira vez, admite que 30% do incêndio de São Pedro do Sul está ainda fora de controlo!”, num tom quase de indignação ou ultraje. Pego no telemóvel, ponho os auscultadores, saio de casa a ouvir a

Rui Vinhas ganha Volta a Portugal em Bicicleta 2016

O vencedor da Volta a Portugal em Bicicleta 2016 é português, chama-se RUI VINHAS e é da equipa W52-FC Porto-Porto Canal (União Ciclista de Sobrado). Finalmente um português volta a ganhar a volta!! Parabéns!!   Espero que os “malucos da bola” não venham desvalorizar a excelente vitoria por ser de um ciclista da equipa do FC Porto …

Todos ao jogo!

 Como diria o treinador do SLB, a isso se chama “por a carne toda no assador”. É uma boa iniciativa para (tentar)  encher o Estádio Efapel Cidade de Coimbra. E como?  Cada sócio pode levantar até 11 bilhetes grátis na Loja do Sócio (no Estádio)! Imaginem: se cada sócio que  compra bilhete leva mais 11 amigos/familiares/conhecidos consigo “à borla”, espera-se uma “boa casa” no próximo  domingo, 15/03/2015, às 16h, em jogo

Orçamento Educação: confusão (?)

Vi toda a comunicação social dizer que o orçamento do Ministério da Educação vai baixar em 2015 cerca de 700 milhões de euros, a incidir em especial no ensino básico e secundário. Hoje, ao final da tarde, na RTP2, no programa “Parlamento”, a deputada Vera Rodrigues do CDS/PP (na foto) diz que a redução na prática não existe porque o diferencial em relação a 2014 reside na dotação que o

O melhor programa de música está de volta!

Não, não estou a falar do Factor X da SIC. Esse, se continuar com a falta de qualidade do ano passado (atenção que falo de falta de qualidade da produção, não dos concorrentes), devia ser proibido de usar o formato. Falo do The X Factor Australia !! O primeiro episódio foi hoje mesmo e já alguém fez upload no youtube (“god bless australians!“).